Mais do que cuidar da patologia,

Cuidamos da prevenção...

 
REDUZ O ESTRESSE E COMBATE A DEPRESSÃO.

Este é um dos principais benefícios da atividade física. Enquanto nos exercitamos, o cérebro libera endorfina e serotonina, substâncias responsáveis pela sensação de bem-estar. Elas também ajudam a controlar as emoções aliviando o estresse e a ansiedade.  Um estudo da Penn State University, revelou: pessoas que praticavam exercícios tiveram sensações mais agradáveis do que os sedentários. E mais: estudos comprovam que o exercício físico ajuda a melhorar a depressão, sendo um ótimo aliado das medicações. Então, se você sofre desta doença, basta que você consiga se exercitar, no mínimo, meia hora algumas vezes por semana. Seu humor vai melhorar muito. Então, depois de um dia difícil no escritório ou em casa, corra para a academia ou para pista de caminhada mais próxima! Você pode ter mil desculpas para não ir, mas nunca vai se arrepender de ter ido.

CONTROLA O PESO.

Esse é um dos efeitos mais desejados por quem procura uma atividade física. O exercício pode ajudar a evitar o excesso de peso e ajudar a baixá-lo. A atividade física queima calorias e, quanto mais intensa, mais calorias você queima. Para se ter uma ideia, uma hora rápida de caminhada queima 400 calorias, ou seja, nesse ritmo você pode perder até meio quilo por semana, mas atenção! De nada adianta caminhar tanto e exagerar nos doces e frituras. Se você não tem muito tempo, uma boa dica é aproveitar as pequenas oportunidades do dia a dia como: trocar o elevador pelas escadas ou parar o carro alguns quarteirões mais longe do seu destino, por exemplo. 

PREVINE DOENÇAS CARDIOVASCULARES.

Independentemente do seu peso atual, ser ativo aumenta a lipoproteína de alta densidade (HDL), ou o “bom” colesterol, além de diminuir os níveis de triglicérides. Esta combinação mantém seu sangue fluindo suavemente, o que diminui o risco de doenças cardiovasculares. Além disso, o exercício físico regular também ajuda a prevenir outras doenças como:  acidente vascular cerebral, síndrome metabólica, diabetes tipo 2, depressão, vários tipos de câncer, artrite e quedas.

MELHORA O SONO.

O exercício físico ajuda a melhorar a insônia e a síndrome das pernas inquietas. Isso porque ele ajuda a controlar o relógio biológico do corpo, ou seja, os ciclos circadianos. Estes ciclos atuam em nosso corpo conforme a variação da luz do dia, ou seja, durante a manhã e à tarde nos deixam mais ativos e à noite nos ajudam a diminuir o ritmo, já preparando o corpo para o sono. Segundo os especialistas, se você é insone, o melhor horário para a prática de exercícios físicos é pela manhã: durante o dia, o corpo libera mais endorfina e, consequentemente, você se sente mais disposto. Mas se você só conseguir se exercitar à noite, procure realizar uma atividade mais leve, o mais longe possível do horário de ir para a cama.

AUMENTA FORÇA E A FLEXIBILIDADE.

Durante seu plano de exercícios físicos, inclua atividades de força e alongamento. O treinamento de força, com levantamento de peso ou com movimentos de ioga, ajuda a melhorar a força e a massa muscular. Isso é muito importante à medida que envelhecemos, pois, estes exercícios ajudam a manter os ossos fortes, prevenindo a osteoporose. Além disso, o aumento dos músculos ajuda seu corpo a queimar calorias com mais eficiência, mesmo após o término do treino. Já o alongamento aumenta a flexibilidade do corpo, facilitando as tarefas diárias.

PREVINE O DECLÍNIO COGNITIVO.

À medida que envelhecemos, o cérebro sofre um desgaste natural. Em algumas pessoas isso pode levar a doenças degenerativas como o mal Alzheimer, que matam células cerebrais, fazendo com que os portadores percam muitas funções cerebrais. Embora o exercício físico não possa “curar” esta doença, ele pode ajudar a fortalecer o cérebro contra o declínio cognitivo que começa após os 45 anos. Se exercitar, principalmente entre os 25 e os 45 anos, aumenta os compostos químicos no cérebro que previnem a degeneração do hipocampo, uma parte importante para a memória e a aprendizagem.

PROMOVE A SOCIALIZAÇÃO.

Se exercitar em conjunto pode ser muito prazeroso, pois um participante motiva o outro. Além disso, é uma ótima forma de passar mais tempo com a família e com amigos em um ambiente descontraído. Uma boa dica é fazer aulas de dança, montar uma equipe de futebol ou até um clube de corrida. O contato com a natureza também faz muito bem para o corpo: o sol ajuda o corpo a sintetizar a vitamina D, responsável pela fixação do cálcio nos ossos. Atividades ao ar livre também fazem bem para a alma: contemplar a natureza é uma “higiene mental” para o cérebro.

AUMENTA A LONGEVIDADE.

Por prevenir várias doenças e retardar o processo de envelhecimento biológico, quem pratica exercícios físicos tem melhor qualidade de vida e mais longevidade. Isso porque cuidar do corpo melhora as funções orgânicas e ajuda no controle, tratamento e prevenção de doenças como a diabetes, hipertensão, aterosclerose, enfermidades cardíacas, varizes, problemas respiratórios, artrose, distúrbios mentais, artrite e dor crônica, entre outras.

 
 
Telefone:

(79) 3255-1819

(79) 99861-5221

Endereço:

Av. Mário Jorge Menezes Vieira, 1680, Coroa do Meio, Aracaju-SE

Como chegar:

Veja como é fácil chegar clicando aqui em baixo.